segunda-feira, 15 de outubro de 2018

HOJE TEM ADESIVAÇO DO 20 EDVAN BRANDÃO


O coordenador Jackson Leite auxiliando na montagem das tendas
Acontecerá logo mais à partir das 16h, o grande adesivaço do 20. Coordenado pelo multifacetado Jackson Leite, a ação promete ser uma das maiores que já aconteceram no gênero em Bacabal.

O adesivaço do 20, Edvan Brandão, acontecerá no Centro Cultural de Bacabal e contará com a presença de artistas, empresários, desportistas, vereadores, secretários, políticos, lideres e é claro, do candidato Edvan Brandão.

A organização conta com todos para uma demonstração de força pela vitória do 20.



NOSSA SENHORA - MAIS UMA MISSÃO CUMPRIDA


Em verdade vos digo: - Tenho um compromisso de gratidão com Nossa Senhora e já tem sete anos que pago a minha promessa vestindo azul, branco, ou azul e branco e acompanhando a sua procissão com júbilo, o Círio de Nazaré,  por uma graça alcançada pela recuperação da minha saúde.

Ontem, fui mais um na multidão que se reuniu em frente a igreja da Cohab e peregrinou pelas ruas e avenidas do bairro com sentido a igreja do Cohatrac.

Em minhas silenciosas orações, confesso que tenho mais a agradecer do que a pedir, mas pedi pra que ela abençoe meus amigos e também os inimigos, pedi pela minha família, pedi paz, amor, saúde e pedi pelo meu país e pela minha cidade, que elejamos em 28 de outubro, o melhor para Bacabal, e isso eu pedi 20 vezes.



Agradeci a ela pelo meu emprego, pela eleição dos meus candidatos a deputado estadual e federal, agradeci pelo meu momento produtivo e pedi que me ajude a concluir a difícil tarefa que comecei para o centenário de minha cidade.

Nossa Senhora tem cuidado de mim, tem ouvido as minhas preces e tem solucionado os meus problemas. Toda a minha esperança veste azul e branco e eu estou cada vez mais confiante na sua essência milagrosa que sinto no fundo da minha alma, dissolver os meus pecados e assim me sinto mais forte para caminhar. Amém.

Ia me esquecendo. Pedi a ela também que faça o milagre de tirar o meu carro da oficina do Sotero que hoje completa dois meses que entrou para um pequeno reparo.


domingo, 14 de outubro de 2018

DIAGNOSE – DICA DE SAÚDE - SÍNDROME DE GUILLAIN-BARRÉ?


A Síndrome de Guillain-Barré é uma doença autoimune inflamatória dos nervos e de suas porções próximas a suas origens junto a medula espinhal, caracterizada por quadro de fraqueza progressiva, podendo levar a insuficiência respiratória.
A Síndrome de Guillain Barré é uma das doenças causadas pelo Zika vírus, mas esta não é sua única causa. Ela pode ser caracterizada como problema neurológico que envolve os nervos periféricos das pernas e dos braços, normalmente secundário a uma infecção viral, bacteriana respiratória ou intestinal.

Tipos

Antigamente, acreditava-se que a Síndrome de Guillain-Barré era uma doença de um tipo só. Agora sabe-se que ela pode ocorrer de diversas formas, como:

Polirradiculoneuropatia Desmielinizante Inflamatória Aguda (AIDP)

É o tipo mais comum nos Estados Unidos. O sinal mais comum dessa forma da doença é a fraqueza muscular que começa na parte inferior do seu corpo e se espalha para cima.

Síndrome de Miller Fisher (MFS)

Aqui, a paralisia começa nos olhos. A MFS também está associada ao caminhar instável e ocorre em cerca de 5% dos pacientes com a Síndrome de Guillain-

Neuropatia Motora Axonal Aguda

É um dos tipos menos comuns, afetando mais jovens e adultos, ela é mais frequentes na China, no Japão e também no México. Esse tipo de neuropatia é caracterizada por atacar os nódulos de ranvier dos nervos motores.

Neuropatia Motora-sensorial Axonal Aguda

É um dos tipos menos comuns, afeta principalmente adultos, ela é mais frequentes na China, no Japão e também no México. É semelhante a neuropatia motora axonal aguda, atingindo os nervos sensoriais e as raízes dos nervos. Neste caso, a recuperação é mais lenta.

Causas

As causas da doença ainda é muito estudada dentro da medicina, contudo em 2015 o Ministério da Saúde confirmou que a infecção pelo Zika Vírus pode provocar também à Síndrome de Guillain-barré, confira aqui. No Brasil, a ocorrência de síndromes neurológicas relacionadas ao vírus Zika foi confirmada após investigações da Universidade Federal de Pernambuco, a partir da identificação do vírus em amostra de seis pacientes com sintomas neurológicos com histórico de doença exantemática. Deste total, quatro foram confirmadas com doença de Guillain-barré.

Na síndrome de Guillain-Barré, o sistema imunológico de uma pessoa, que é responsável pela defesa do corpo contra organismos invasores, começa a atacar os próprios nervos, danificando-os gravemente.O dano nervoso provocado pela doença provoca formigamento, fraqueza muscular e até mesmo paralisia. A síndrome de Guillain-Barré costuma afetar mais frequentemente o revestimento do nervo (chamado de bainha de mielina). Essa lesão é chamada de desmielinização e faz com que os sinais nervosos se propaguem mais lentamente. O dano a outras partes do nervo pode fazer com que este deixe de funcionar completamente.

Outros vírus e bactérias associados ao Guillain-Barré são o Campylobacter jejuni, Citomegalovírus, vírus Epstein-Barr, vírus Varicella-zoster. O mecanismo autoimune que leva esta doença a destruir os nervos periféricos após uma infecção é conhecido de "mimetismo molecular", ou seja, existem pequenas partículas protéicas nestes vírus e/ou bactérias que são semelhantes a proteínas do nosso organismo e, ao produzir anticorpos, nosso corpo acaba destruindo tanto os vírus/bactérias, como os nervos periféricos das pernas e braços.

Fatores de risco

A síndrome de Guillain-Barré pode afetar todos os grupos etários. Pessoas inseridas dentro de determinados grupos podem estar sob maior risco do que outras, especialmente pessoas do sexo masculino e adultos mais velhos. Além disso, a síndrome pode ser desencadeada por:
  • Mais comumente, por uma infecção com a Campylobacter, um tipo de bactéria frequentemente encontrada em aves mal cozidas
  • Vírus Influenza
  • Vírus de Epstein-Barr
  • HIV, o vírus da Aids
  • Pneumonia
  • Cirurgia
  • Linfoma de Hodgkin
  • Raramente, vacinas da gripe ou a vacinação infantil.

Sintomas de Síndrome de Guillain-Barré

Os sintomas típicos da Síndrome de Guillain-Barré incluem:
  • Perda de reflexos em braços e pernas
  • Hipotensão ou baixo controle da pressão arterial
  • Em casos brandos, pode haver fraqueza em vez de paralisia
  • Pode começar nos braços e nas pernas ao mesmo tempo
  • Pode piorar em 24 a 72 horas
  • Pode ocorrer somente nos nervos da cabeça
  • Pode começar nos braços e descer para as pernas
  • Pode começar nos pés e nas pernas e subir para os braços e a cabeça
  • Dormência
  • Alterações da sensibilidade
  • Sensibilidade ou dor muscular (pode ser cãibra)
  • Movimentos descoordenados
Outros sintomas podem ser:
  • Visão turva
  • Descoordenação e quedas
  • Dificuldade para mover os músculos do rosto
  • Contrações musculares
  • Palpitações (sentir os batimentos cardíacos)
Os sintomas da Síndrome de Guillain-Barré podem piorar rapidamente. Os sintomas mais graves podem demorar apenas algumas horas para aparecer, mas a fraqueza que aumenta ao longo de vários dias é normal.
A fraqueza muscular ou a paralisia afeta os dois lados do corpo. Na maioria dos casos, a fraqueza começa nas pernas e depois se propaga para os braços. Isso é chamado de paralisia ascendente.
Os pacientes podem notar formigamento, dor nos pés ou nas mãos e descoordenação. Se a inflamação afetar os nervos do diafragma e do peito, e se houver fraqueza nesses músculos, a pessoa poderá necessitar de assistência respiratória.

Buscando ajuda médica

Alguns sintomas são emergenciais. Isso quer dizer que, se você senti-los, você deve procurar ajuda médica imediata. São eles:

Na consulta médica

Especialistas que podem diagnosticar a Síndrome de Guillain-Barré são:
  • Clínico geral
  • Neurologista
  • Infectologista.
Estar preparado para a consulta pode facilitar o diagnóstico e otimizar o tempo. Dessa forma, você já pode chegar à consulta com algumas informações:
  • Uma lista com todos os sintomas e há quanto tempo eles apareceram
  • Histórico médico, incluindo outras condições que o paciente tenha e medicamentos ou suplementos que ele tome com regularidade
  • Se possível, peça para uma pessoa te acompanhar.
O médico provavelmente fará uma série de perguntas, tais como:
  • Quais são seus sintomas e quais partes do seu corpo são afetadas?
  • Quando você começou a sentir sintomas? Eles começaram de repente ou gradualmente?
  • Seus sintomas parecem estar se espalhando ou piorando?
  • Se você está sentindo fraqueza, isso afeta um ou ambos os lados do seu corpo?
  • Você já teve problemas com o controle da bexiga ou intestino?
  • Você teve algum problema de visão, respiração, mastigação ou deglutição?
  • Você recentemente teve uma doença infecciosa?
  • Você passou algum tempo recentemente em uma área florestal ou viajou para o exterior?
  • Você já teve algum procedimento médico, incluindo vacinas?
Também é importante levar suas dúvidas para a consulta por escrito, começando pela mais importante. Isso garante que você conseguirá respostas para todas as perguntas relevantes antes da consulta acabar. Para Síndrome de Guillain-Barré, algumas perguntas básicas incluem:
  • Qual é a causa mais provável dos meus sintomas?
  • Que tipos de testes eu preciso?
  • Que tipo de tratamentos eu preciso?
  • Em quanto tempo você espera que meus sintomas melhoram com o tratamento?
  • Quão plenamente você espera que eu me recupere?
  • Quanto tempo dura a recuperação?
  • Estou em risco de complicações a longo prazo?
Não hesite em fazer outras perguntas, caso elas ocorram no momento da consulta.

Diagnóstico de Síndrome de Guillain-Barré

A Síndrome de Guillain-Barré pode ser difícil de diagnosticar em seus estágios iniciais. Os sinais e sintomas são semelhantes aos de outras desordens neurológicas e eles podem variar de pessoa para pessoa.
Seu médico provavelmente começará seu diagnóstico fazendo perguntas sobre seu histórico clínico. Um histórico de fraqueza muscular crescente e paralisia pode ser um sinal da síndrome de Guillain-Barré, principalmente se houve uma doença recente.
Um exame médico pode mostrar fraqueza muscular e problemas nas funções involuntárias (autonômicas) do corpo, como pressão arterial e frequência cardíaca. O exame também pode mostrar se os reflexos, como os do joelho, estão diminuídos ou ausentes.
Pode haver sinais de diminuição da respiração causada por paralisia dos músculos respiratórios

Exames

Os seguintes exames podem ser solicitados para diagnosticar a doença:
  • Amostra do líquido cefalorraquidiano (punção lombar)
  • Eletrocardiograma (ECG)
  • Eletromiografia (EMG), que testa a atividade elétrica nos músculos
  • Exame de velocidade de condução nervosa
  • Exames de função pulmonar.

Tratamento de Síndrome de Guillain-Barré

Não existe cura para a síndrome de Guillain-Barré. Entretanto, há muitos tratamentos disponíveis para ajudar a reduzir os sintomas, tratar as possíveis complicações e acelerar a recuperação do paciente.
Quando os sintomas são graves, a hospitalização será recomendada para dar continuidade a um tipo de tratamento mais específico, que pode incluir aparelhos de respiração artificial.
Nos estágios iniciais da doença, tratamentos que removam ou bloqueiem a ação dos anticorpos que estão atacando as células nervosas podem reduzir a gravidade e a duração dos sintomas da Síndrome de Guillain-Barré.
Um desses métodos é chamado de plasmaferese e é usado para remover os anticorpos do sangue. O processo envolve extrair sangue do corpo, geralmente do braço, bombeá-lo a uma máquina que remove anticorpos e depois enviá-lo novamente ao corpo.
Outro método é bloquear os anticorpos usando altas doses de imunoglobulina. Nesse caso, as imunoglobulinas são adicionadas ao sangue em grandes quantidades, bloqueando os anticorpos que causam a inflamação.
Outros tratamentos disponíveis têm por objetivo prevenir complicações.
  • Podem ser utilizados anticoagulantes para prevenir coágulos sanguíneos
  • Se o diafragma estiver debilitado, pode ser necessário o uso de um auxílio respiratório ou até mesmo de um tubo e um ventilador respiratórios
  • A dor é tratada com remédios anti-inflamatórios e narcóticos, se necessário
  • O posicionamento adequado do corpo ou um tubo de alimentação podem ser empregados para evitar engasgar durante a alimentação se os músculos usados para deglutição estiverem debilitados.
Pessoas com Síndrome de Guillain-Barré precisam de ajuda física e terapia antes e durante a recuperação. Os cuidados podem incluir:
  • Movimento dos braços e pernas pelos profissionais de saúde antes da recuperação, para ajudar a manter os músculos flexíveis e fortes
  • Fisioterapia durante a recuperação para ajudá-lo a lidar com a fadiga e recuperar a força e o movimento adequado. Em alguns casos pode ser indicado a fisioterapia neurofuncional
  • Treinar com dispositivos adaptativos, como uma cadeira de rodas ou suspensórios, para oferecer habilidades de mobilidade e autocuidado.

Medicamentos para Síndrome de Guillain-Barré

Os medicamentos mais usados para o tratamento da síndrome de Guillain-Barré são:
Somente um médico pode dizer qual o medicamento mais indicado para o seu caso, bem como a dosagem correta e a duração do tratamento. Siga sempre à risca as orientações do seu médico e NUNCA se automedique. Não interrompa o uso do medicamento sem consultar um médico antes e, se tomá-lo mais de uma vez ou em quantidades muito maiores do que a prescrita, siga as instruções na bula.

Síndrome de Guillain-Barré tem cura?

A recuperação pode demorar semanas, meses ou anos, mas não existe cura para a síndrome de Guillain-Barré. A maioria das pessoas sobrevive e se recupera completamente. Os sintomas de fraqueza podem persistir em algumas pessoas por muitos anos mesmo com tratamento.
É mais provável que o prognóstico do paciente seja muito bom se os sintomas desaparecerem dentro de três semanas do início da doença.

Complicações possíveis

Se não for tratada, a síndrome pode evoluir algumas complicações de saúde graves:
  • Dificuldade para respirar (insuficiência respiratória)
  • Contraturas das articulações ou outras deformidades
  • Trombose venosa profunda (coágulos sanguíneos que se formam quando alguém está inativo ou confinado a uma cama)
  • Maior risco de infecções
  • Pressão arterial baixa ou instável
  • Paralisia permanente
  • Pneumonia
  • Lesões na pele (úlceras)
  • Aspiração de alimentos ou líquidos para dentro do pulmão

Existe alguma relação entre vacinação e a Síndrome de Guillain-Barré?

A vacinação estimula o sistema imunológico e pode, raramente, desencadear a Síndrome de Guillain-Barré. Portanto, não há contraindicação para qualquer forma de vacinação.

Convivendo/ Prognóstico

Após os primeiros sinais e sintomas, a doença tende a agravar-se progressivamente para cerca de duas semanas. Os sintomas atingem seu ápice em aproximadamente quatro semanas.
A recuperação começa logo depois, geralmente com duração de seis meses a um ano, embora para algumas pessoas possa demorar até três anos.
Entre os adultos que se recuperam da síndrome de Guillain-Barré:
  • Aproximadamente 80% podem andar independentemente seis meses depois do diagnóstico
  • Cerca de 60% recuperam totalmente a força motora um ano após o diagnóstico
  • Cerca de 5 a 10% têm uma recuperação muito atrasada e incompleta.
As crianças, que raramente desenvolvem síndrome de Guillain-Barré, geralmente se recuperam mais completamente do que os adultos.

Prevenção

Não existe prevenção específica para a doença, entretanto a prevenção de infecções como a gripe, dengue e zika pode ajudar a reduzir a chance de apresentar a Síndrome de Guillain-Barré.


Por Dr. Otávio Pinho Filho

sábado, 13 de outubro de 2018

RAPIDINHAS DO SÁBADO


Quem está fazendo o maior sucesso na politica bacabalense é a coligação “Bacabal em primeiro Lugar” que compreende Edvan Brandão e Graciete Trabulsi para prefeito e vice na eleição suplementar do dia 28 de outubro, O grupo está de parabéns pela reeleição de João Marcelo para deputado federal e Roberto Costa para deputado estadual,  O grupo tem se mostrado firme, forte e determinado a dar a maioria esmagadora de votos, agora para o Edvan..

++++++++++

A grande prova dessa faceta, foi a grande passeata realizada na noite de domingo pelas ruas de Bacabal, logo após a divulgação das vitórias de Roberto Costa e João Marcelo.

++++++++++

Comemorando a vitória, encontrei com muitos amigos adeptos da campanha “Bacabal em primeiro lugar” e aproveitei para um papo cheio de festa com o secretário adjunto de esporte, o senhor Renato e com o coordenador Joab Chaves.

++++++++++

E seguem unidos rumo a vitória os candidatos Edvan Brandão e Graciete Trabulsi para prefeito e vice, respectivamente. Incansáveis, eles fazem diariamente de um a quatro arrastões e em todos o sucesso de público é garantido. É 20 neles.

++++++++++ 

E Bacabal só tem o que comemorar. Deu a maioria dos votos para o deputado estadual Roberto Costa garantindo a sua reeleição. 

++++++++++

O mesmo aconteceu com o deputado federal João Marcelo que também recebeu a grande maioria dos votos dos bacabalenses e também garantiu a sua reeleição. 

+++++++++

Quem também se reelegeu muito bem foi o bacabalense Carlinhos Florêncio, que, apesar de ser o segundo mais votado em Bacabal, teve uma votação extraordinária no estado.

++++++++++ 

A tristeza ficou por conta do bacabalense, candidato a deputado federal Simplicio Araújo que apesar de ser um dos mais votados do estado,não conseguiu a sua eleição e mais uma vez amarga a primeira suplência com todas as chances de assumir. 

 ++++++++++

E quem não apareceu em Bacabal para dar prova do seu civismo e votar, foi o milionário Kallil Trabulsi. Ele que deu, há semanas atrás, uma declaração um tanto quanto bizarra, se desfez das mágoas e promete votar na eleição suplementar na chapa da coligação "Bacabal em primeiro lugar". Criou juizo. Seu voto fez falta para somar com os votos dado a sua amiga guerreira.

++++++++++ 

Quem desfruta agora de merecidos dias de folga é o assessor politico e articulador do candidato eleito a deputado federal, Júnior Lourenço. Também proprietário de instituto de pesquisa, o bom de voto Hermano Nogueira acertou tudo, até a quebra de votos. Ele já começou a arrumar as malas e comprar os ternos finos cortes para carregar a pasta do homem na Capital Federal. 

++++++++++
 

Quem também goza de muito prestigio é a família Pageú. Lideres políticos da cidade de Altamira e região, ele apoiaram e deram a maioria dos votos para os deputados Júnior Lourenço e Carlinhos Florêncio, federal e estadual, respectivamente.


E quem também esteve na cidade para votar foi a belissima senhora Tenilde Teixeira. Ela veio com seu irmão e sua cunhada - Tairon e Débora, respectivamente. Ela aproveitou para rever as irmãs e curtir longas horas de paz na fazenda da família.

++++++++++


Na segunda-feira, antes de retornar para São Luis, a senhora Tenilde me fez uma visita, juntamente com seu irmão Tairon que se deixava acompanhar pela linda esposa Débora. Quem também apareceu e participou do papo foi o agente cultural Guido Maranhão. 

+++++++++ 

E quem expira, respira, transpira felicidades é o Bacabalense e advogado Dr. Ademar Galvão. Radicado em Belém do Pará, há algumas semanas ele viu a sua filha Thabita passar na prova da Ordem dos Advogados do Brasil - OAB, e botar o Dra. antes do nome. Agora quem acabou de passar na prova e receber, também, a carteira da OAB e botar o Dr. antes do nome, foi o seu outro filho, Hugo Galvão. A festa vai ser na base do tucupí. Aos Drs. Galvãos, todo o sucesso do mundo.

++++++++++

E quem apareceu na Secretária Municipal de Cultura foi o maestro e professor de música Victor Emanuel, o popular Victor Paraíba. Não deu pra saber o que ele conversou com Mestre Pinta, pois os dois estavam muito entretidos com o WatsApp. Coisas da modernidade.

++++++++++ 

Quem se prepara para a caminhada anual do Círio de Nazaré que sai da igreja da Cohab até a Igreja do Cohatrac, é a bela senhora Ângela Corrêa. Ela também participa de todas as ações religiosas preliminares. A procissão é nesse domingo, amanhã.

++++++++++ 

Quem sofreu um grave acidente de trânsito no fim de semana que passou foi o jovem Henrique Galvão. Filho do bacharel em direito Waltinho Carioca e da empresária Ana Lima, ele passou por cirurgia na perna esquerda em um hospital particular de nossa capital e se recupera bem. Ao nosso Henrique muita saúde e uma recuperação bem rápida. 

++++++++++ 

Depois do sufoco, o nosso bacharel foi até um grande restaurante de nossa capital para recarregar as baterias com bastante peixe frito e fornado. 
++++++++++

E por falar em tratamento, quem também se recupera de uma luxação em uma das pernas é a negra linda, a atleta e professora de educação física Bindô. Muita saúde negona. 

++++++++++ 

E o coronel da Policia Militar do Maranhão Marco Pimentel que aparece ladeado pelos filhos Leonardo e Eduardo, Léo e Dudu, como são carinhosamente chamados, está de vento em popa com a eleição dos seus candidatos a Assembleia Legislativa, Othelino Neto e Cleide Coutinho. Ao coronel nossos parabéns. 

++++++++++ 

E quem esteve em Bacabal vindo de São Luis com destino a Teresina, foi o ex atleta, professor e empresário Chiquinho. Ele aproveitou e deu uma passadinha na casa da família e tomou uma bem gelada no Bar do Luizão. 

++++++++++ 

E quem encontrei na barbearia do Neto dando um trato no visual foi o empresário José Oridan. Em nosso bate papo, ele me contou dos irmãos Edson e Fátima que hoje residem em Brasilia e dos negócios da família que ficou por aqui que ele toca com sucesso. 

++++++++++ 

Na Barbearia do Neto também encontrei com o empresário gráfico Edmilson. De lá saímos para uma boa e breve conversa na Casa do Suco onde fizemos um lanche. 

++++++++++ 

E mudando de lanche para refeição, o restaurante do povo está funcionando a todo vapor. Com comida de primeira qualidade, variedade, higiene, rapidez, a refeição sai por apenas cinco reais e o movimento só tem aumentado. Dirigido pelo expert em carne, Joãozinho Veloso espera você no centro cultural. É comida de luxo por preço popular.

++++++++++

E a galera da charge continua afinada com os acontecimentos. veja e curta essa pérola.

++++++++++ 

E aí meu amigo Lambal, o que senhor pretende fazer no dia de hoje?


sexta-feira, 12 de outubro de 2018

HOJE É O DIA DAS CRIANÇAS


Hoje a data é lembrada e aguardada com ansiedade pelas crianças. É época de ganhar presentes, se divertir com atividades e brincadeiras diferentes na escola, e aproveitar o dia ao máximo. Mas por muito tempo o Dia das Crianças, aqui no Brasil, ficou no esquecimento, mesmo entrando para o calendário oficial.



Em 1923, nasceu a ideia de existir uma data para celebrar as crianças. O responsável por isso foi o deputado federal Galdinho do Valle Filho, que elaborou um projeto de lei depois que o Rio de Janeiro sediou o 3º Congresso Sul-Americano da Criança. Apesar de aprovado e oficializado pelo então presidente da república, Artur Bernardes, o dia 12 de outubro, como data comemorativa, só foi vingar em 1955, por questões comerciais.


É que a responsável por fazer a data ficar marcada na memória da população brasileira foi a fabricante de brinquedos Estrela, que criou uma campanha chamada “Semana do Bebê Robusto”. Utilizando a data que já era oficial, ela desenvolveu ações para aumentar as vendas antes do Natal e a ideia funcionou!

Anos depois, a Johnson & Johnson resolveu apoiar a Estrela, dando ainda mais força ao Dia das Crianças, com o concurso de beleza “Bebê Johnson”, que se tornou um dos mais conhecidos em todo o país. Com o tempo, outros varejistas passaram a aderir à ideia, aproveitando para realizar promoções durante uma semana e até no mês todo, fazendo do Dia das Crianças uma das principais datas do calendário brasileiro.

Por coincidência, a data é a mesma do Dia de Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil, sendo então um feriado nacional.

Data universal

De acordo com a cultura e tradição locais, cada país acabou escolhendo uma data diferente para comemorar o Dia das Crianças. Mas, pelo Fundo das Nações Unidas para a Crianças (UNICEF), o dia 20 de novembro é a data universal, porque foi quando a organização oficializou a Declaração dos Direitos Criança, que passou a estabelecer direitos às crianças em todo mundo.

Veja abaixo em qual data é comemorado o Dia das Crianças em outros países do mundo:

  • Portugal: 1º de junho
  • Índia: 14 de novembro
  • Estados Unidos: 1º domingo de junho
  • Austália: 4ª quarta-feira de outubro
  • México: 30 de abril
  • Japão: 5 de maio
  • China: 1º de junho
  • Tailândia: 2º sábado de janeiro
  • Turquia: 23 de abril